22 março, 2010

Franguinho com mostarda

Maridão está há mais de uma semana só passando em casa. As vezes acho que ele tem outra família, mas ele jura que não, que é só trabalho brabo e sem descanso.  Resultado de implantação de projeto. Eu já estou acostumada, porque isso acontece às de tempos em tempos. Durmo com as dogas alguns dias e procuro não reclamar até que esta fase passe, mas é ruim passar tanto tempo sozinha, né?

Aí hoje eu tinha algumas coisas pra fazer no banco e fui lá na hora do almoço. Aproveitei e na volta almocei num restaurante por quilo aqui perto de casa, pra comer saladinhas. Me servi de verduras, legumes, macarrão à jardineira e um filé de frango delícia, feito na manteiga. Ele estava tão douradinho e suculento que pensei em fazê-lo em casa pra um almoço qualquer dia que o Renato resolvesse voltar à rotina.

Eu tinha acabado de chegar em casa, de volta do meu almocinho light e delícia e maridão me liga: "Tá muito ocupada? Consegue fazer uma comidinha pra mim e um amigo? Preciso passar em casa pra tomar banho antes de ir pra Sorocaba e pensei em almoçar".

Eu, boa esposa que sou encarnei Amélia e fui lá pra cozinha ver o que tinha pra fazer e me deparei com o quê??? Frango. Congelado, é certo, mas Deus criou o microondas pra essas ocasiões, né não? Descongelei dois peitos e resolvi botar em prática minha mais nova descoberta gastronômica. Temperei os filés com alho e sal e deixei lá um bocadinho pra pegar gostinho antes de colocar na frigideira quente com manteiga.

No meio do processo percebi que pra dourar aquele tamanho de frango precisaria de uma colher de sopa de manteiga e pensei que Renato acharia enjoativo a quantidade. Ele gosta, porém com moderação. Então usei a criatividade!!! Deixei dourar dos dois lados e coloquei um tiquinho de água e meu ingrediente secreto... tcharãmmm... mostarda escura.

Pra falar a verdade eu abri a geladeira e foi a primeira coisa que vi e achei que reduziria o sabor que, naquele caso, iria incomodar o paladar do meu fofo. Com isso fiz um molho que terminou de cozinhar o franguinho e além de maciez deu um sabor bem delícia ao prato.

Eu deveria mesmo me empenhar nessa coisa de cozinhar. Acho tão bom!!! Mas gostoso mesmo é ouvir os elogios... hohoho =).

Como eu já tinha almoçado experimentei só um pedacinho, mas o prato já entrou pro meu cardápio de dia-a-dia.

Desta vez não terei a fotinho da minha invensão culinária pra postar, mas da próxima vez que a fizer faço umas imagens bem bonitas pra ilustrar o post =)

2 comentários:

Casal disse...

Hum... essa é uma ótima idéia Rita. Sempre tempero o filé de frango com mostarda comum e tb fica bom =)
Beijos

Renato Navarro disse...

Olha, esse franguinho ficou supimpa viu!!! Aprovo e recomendo!!!